Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O BILOGUE

Um blogue sobre tudo e sobre nada, entre disparates e coisas sérias alguma coisa se há-de aproveitar.

O BILOGUE

Um blogue sobre tudo e sobre nada, entre disparates e coisas sérias alguma coisa se há-de aproveitar.

Bem educados! Ou talvez não! Mas é os deputados que temos.

Ser deputado ou ministro na assembleia da república não requer boa educação, a prova está no modo como se tratam dentro e fora da assembleia da republica.

 

Já nem falo quando uns dormem enquanto outros discursam.

 

Neste video temos um Ministro que aposta na linguagem gestual, para se fazer entender. Eu ainda acho, e isto é a minha humilde opinião, quando o Ministro Manuel Pinho apontou dois corninhos à bancada do PCP, não eram corninhos, ele queria era apontar para duas pessoas ao mesmo tempo e foi mal interpretado - cambada de mal intencionados.

 

 

No video seguinte poderão comprovar um caso engraçado, que faz com que o caso dos "corninhos" do ministro Manuel Pinho, salvo seja, passe por um caso meramente corriqueiro.

Para este caso, não consigo encontrar uma interpretação amável que torne este acto o mais normal possível.  Acho que quando certas palavras saem da boca, não há nada a fazer - está dito, está dito. Vejam lá o video e digam se podemos desculpar o Sr Deputado pelo deslize.

 

 

 

Outro caso engraçado foi um deputado do PS, que ficou com os gravadores de uns jornalistas porque não gostou do curso da entrevista.

 

 

Maria José Nogueira Pinto chama "palhaço" a um deputado do PS , mais um caso engraçado

 

 

Mais outra confusão, em que se perde a paciência, e neste caso em directo na TV.

 

 

Aqui um dos deputados chama Palhaço ao primeiro Ministro José Socrates, vejam se conhecem o deputado que profere essas palavras, acho que já o vimos ...

 

 

Aqui temos o Presidente da Assembleia da República, Jaime Gama, a "passar-se" com o deputado do PSD, Paulo Rangel.

 

 

Mas ainda somos bastante pacíficos, e ainda bem, senão o resultado seria mais ou menos assim

 

A minha JANTA de hoje - Bacalhau no forno

Eu sei que isto é comida de inverno, mas se me apetecia um bacalhauzinho porque não havia de o fazer?
Esta é a receita original tirada do receitas online, mas eu saltei algumas coisinhas, por exemplo o forno, no meu caso usei o microondas com o grill, fica bom na mesma e dá menos trabalho. Fica meio tostadinho no topo, lindo. Estava delicioso.
Bem, vou beber um cafézinho, aqui fica a receita para quem quiser
Receita - Bacalhau no forno

Ingredientes:

  • meio quilo de bacalhau grosso, bem demolhado (de preferencia lombos)
  • 4 cebolas
  • meio quilo de batatas
  • 2 decilitros de azeite
  • 1 colher se sopa de vinho branco

Molho

  • 7,5 decilitros de leite
  • 3 colheres de sopa de manteiga
  • 3 colheres de sopa de farinha
  • 4 ovos
  • sal q.b.
  • pimenta q.b.
  • 1 copo de natas

No mesmo tacho, cozem-se ao mesmo tempo o bacalhau grosso demolhado, feijão verde às tiras, cenouras às rodelas, nabo às rodelas, couve flor em ramos, couve lombarda aos pedaços, as batatas e os ovos.

 

Frita-se 2 cebolas às rodelas em azeite, sem deixar alourar. Faz-se um creme grosso com manteiga, farilha, gemas, leite, sal e pimenta.

Num tabuleiro de barro, põe-se o bacalhau às lascas, sem as peles nem as espinhas, e os outros ingredientes bem escorridos.

Cobre-se com a cebola frita. Rega-se com o creme. Colocam-se por cima os ovos aos quartos. Salpica-se de queijo ralado.

Vai a forno para dourar.

Serve-se bem quente.

 

 

Fonte da receita:

O BILOGUE é DESTAQUE nos blogs do SAPO

É com bastante agrado que vejo que fui um dos escolhidos para os destaques do Sapo neste primeiro dia de Setembro.

 

Agradeço a toda a equipa do sapo blogs.

 

O bilogue nos Destaques do SAPO

 

E já agora agradeço ao meu amigo Zé, que tanta paciência tem tido comigo a ensinar-me como colocar imagens, a formatar os posts entre outros pormenores, que diga-se, ainda não consegui aprender bem, mas com mais um pouco de prática hei-de lá chegar.

 

Os mitos da bejeca

Aqui vai algumas respostas às perguntas mais frequentes sobre o uso e abuso da cerveja.

1 - A cerveja  pode matar ?

Pode. Há uns anos, um rapaz, ao passar pela rua, foi atingido por uma  caixa de cerveja que caiu de um camião levando-o a morte instantânea. 
além disso, casos de enfarte do miocárdio em idosos teriam sido associados a publicidade a cervejas com modelos de belas mulheres...

2 - O uso continuado do álcool pode levar ao uso de drogas mais pesadas?

Não. o álcool é a mais pesada das drogas: uma garrafa de cerveja pesa cerca de 900 gramas .

3 - A cerveja causa dependência psicológica?

Não. 89,7% dos psicólogos e psicanalistas entrevistados preferem whisky.

4 - Mulheres grávidas podem beber sem risco?

Sim. Está provado que nas operações stop a polícia nunca faz o teste do balão às grávidas. e se elas tiverem que fazer o teste de andar em 
linha recta, podem sempre atribuir o desequilíbrio ao peso da barriga.

5 - A cerveja pode diminuir os reflexos dos motoristas?

Não. Foi feita uma experiência com mais de 500 condutores: foi dada uma caixa de cerveja para cada um beber e, em seguida, foram colocados 
um por um diante do espelho. em nenhum dos casos os reflexos foram alterados.

6 - A bebida envelhece?

Sim. A bebida envelhece muito depressa. para se ter uma ideia, se deixar uma garrafa ou lata de cerveja aberta, ela perderá o seu sabor 
em aproximadamente quinze minutos.

7 - A cerveja condiciona negativamente o rendimento escolar?

Não, pelo contrário. Algumas universidades estão a aumentar os lucros com a venda de cerveja nas cantinas e bares.

8 - O que faz com que a bebida chegue aos adolescentes?

Inúmeras pesquisas têm vindo a ser feitas por laboratórios de renome e todas indicam, como primeiro factor, o empregado de mesa.

9 - A cerveja engorda?

Não. Tu é que engordas.

10 - A cerveja causa perda de memória?

Humm ... Que eu me lembre, não.....

 

 

Enviaram-me esta pesquisa, que eu acredito ter sido feito com bases científicas bastante sólidas, não achas?

Já era tempo que fosse publicado um estudo sério e que fossem desmistificadas algumas crenças infundadas !

1. a cerveja  pode matar ?

pode. há uns anos, um rapaz, ao passar pela rua, foi atingido por uma

caixa de cerveja que caiu de um camião levando-o a morte instantânea.

além disso, casos de enfarte do miocárdio em idosos teriam sido

associados a publicidade a cervejas com modelos de belas mulheres...

2. o uso continuado do álcool pode levar ao uso de drogas mais pesadas?

não. o álcool é a mais pesada das drogas: uma garrafa de cerveja pesa

cerca de 900 gramas .

3. a cerveja causa dependência psicológica?

não. 89,7% dos psicólogos e psicanalistas entrevistados preferem whisky.

4. mulheres grávidas podem beber sem risco?

sim. está provado que nas operações stop a polícia nunca faz o teste

do balão às grávidas. e se elas tiverem que fazer o teste de andar em

linha recta, podem sempre atribuir o desequilíbrio ao peso da barriga.

5. a cerveja pode diminuir os reflexos dos motoristas?

não. foi feita uma experiência com mais de 500 condutores: foi dada

uma caixa de cerveja para cada um beber e, em seguida, foram colocados

um por um diante do espelho. em nenhum dos casos os reflexos foram

alterados.

6. a bebida envelhece?

sim. a bebida envelhece muito depressa. para se ter uma ideia, se se

deixar uma garrafa ou lata de cerveja aberta, ela perderá o seu sabor

em aproximadamente quinze minutos.

7. a cerveja condiciona negativamente o rendimento escolar?

não, pelo contrário. algumas universidades estão a aumentar os lucros

com a venda de cerveja nas cantinas e bares.

8. o que faz com que a bebida chegue aos adolescentes?

inúmeras pesquisas têm vindo a ser feitas por laboratórios de renome e

todas indicam, em primeirissimo lugar, o empregado de mesa.

9. a cerveja engorda?

não. tu é que engordas.

10. a cerveja causa perda de memória?

que eu me lembre, não.....